A+ A A-

1) Vetores simples:

y = sen(x) -> 0<= x <= pi -> a cada 0,1pi

2) Endereçamento vetorial.

O vetor acima tem 1 linha e 11 colunas, portanto denominado: vetor 1 X 11.

Índices: x(1) é o primeiro elemento de x, x(2) o segundo, e assim por diante até x(11):

3) Bloco de componentes (:)

Uso do (:end)

Uso de contador (3:-1:1): começa no 3, conta regressivamente 1 e para no 1.

Uso do contador: começa no 2 "x(2)", avança 2 "x(4)" e para no 6 "x(6)" antes do 7.

 

 Uso de outro vetor para extrair os valores.

4) Construção de vetores

a) Notação de dois pontos: valores vão de zero até 1 com incremento de 0.1

b) Notação de dois pontos: valores vão de zero até 1 com incremento de 0.1, multiplicado por PI.

 Função linspace ()

 

 Função logspace ()

No exemplo abaixo, criamos um vetor começando em 100terminando em 102 e contendo 11 elementos:

 Transformando linha em coluna - Uso do apóstrofe (')

ou

5) Vetor composto

Criar um vetor "c" formado pelos elementos do vetor "b" seguidos dos elementos do vetor "a".

Tabela construção de vetores

Mais exemplos construção de vetores:

6) Criando vetores com 2 ou mais linhas:

Exemplo 1:

ou

Exemplo com 3 linhas

Obs.: É necessário linhas com o mesmo número de colunas

 7) Criando vetores colunas: 

Separando os elementos por espaços ou vírgulas especificam elementos de colunas diferentes; separando por ponto e vírgula (;) especificam elementos de linhas diferentes.

8) Criando vetores colunas a partir de uma 

Deve se transpor os elementos de vetor linha através do operador de transposição do Matlab ('):

Transformando um vetor coluna em um vetor linha:

9) Criação de matrizes

Criação de estruturas com múltiplas colunas e múltiplas linhas

Exemplo de matriz com 3 linhas e 4 colunas (utilize o enter no final de cada linha):

 Obs.: É necessário linhas com o mesmo número de colunas

10 ) Matemática VETOR com ESCALAR

Exemplo 1

Exemplo 2

Exemplo 3

 11) VETOR com VETOR

Exemplo 1

Exemplo 2

Exemplo 3

Atenção: Multiplicação matricial não está definida

12) Multiplicação escalar pontuada

 

13) Divisão escalar pontuada

14) Divisão matricial

A divisão matricial fornece como resultados matrizes com dimensão diferente de g e h. Ver em álgebra matricial.

 15) Potenciação de vetores e matrizes

Observe que no exemplo anterior utilizamos a potenciação escalar pontuada. Caso não coloque o ponto, define-se uma potenciação matricial - necessário ter o mesmo número de linhas e colunas...

16) Cálculo do inverso de cada elemento g

17) Potenciação de um escalar com uma matriz

18) Potenciação entre elementos de uma matriz

Resumo operação com elementos de vetores e matrizes